Um email sobre Caçapava

Chegou ontem, achei por bem compartilhar.

“Nossa que pena, (meu) vô mexeu em muitos desses carros inclusive montou alguns para o Roberto Lee, ele era o mecânico dele. É possivel ir la visitar? gostaria de levar ele la para rever os carros.”

Os carros a que o Adriano, autor da mensagem acima se refere, são os carros do finado Roberto Lee, em Caçapava. Obrigado, Adriano. Como te escrevi, me parece que os carros são da Prefeitura, e podem ser visitados sim. Lembranças nossas ao seu avô.

Sic Transit Gloria Mundi.

Museu do Roberto Lee na TV

O amigo Lucas me manda o link para uma matéria que foi ao ar pela VNews, afiliada da Globo para a região de Caçapava, dando conta da destruição, furto e vandalismo de que têm sido vítima o museu do Roberto Lee em Caçapava. Quem sabe, como alguém disse lá no Simca uma vez, isso não é assunto para chegar ao Fantástico da Rede Globo e, com isso, fustigar as omissas e cúmplices autoridades que, como já denunciado inclusive aqui, cometem crime de omissão por nada fazerem a fim de preservar esse esse patrimônio tombado e de valor incomensurável? Para assistir a reportagem clique no link abaixo.

imagem41

imagem2imagem21

imagem4

Para ver a reportagem que foi indicada pelo amigo Lucas, clique neste link.

Para ver fotos e o que mais foi publicado aqui sobre o Museu de Roberto Lee, o link é este aqui.

O segundo assassinato de Roberto Lee

O Mário Quintana escreveu um poema que diz mais ou menos assim: “Na vez primeira em que me assassinaram, levaram um jeito de sorrir que eu tinha; na outra vez em que me assassinaram, foram levando qualquer coisa minha.”

Veja o que estão fazendo com o Museu de Antiguidades Mecânicas de Caçapava, ou simplesmente o Museu do Sr. Roberto Lee.

O museu no início de Novembro deste ano (2008)

museu do roberto lee caçapava

O mesmo local e automóvel no início deste mês, dezembro de 2008.

016145590-ex00-11

O que mais vai acontecer daqui por diante?

Para ver mais fotos de como estava o museu em novembro de 2008, clique aqui.

Para ver a matéria da 4 Rodas de 1974 e a lista do acervo do museu co seus 53 automóveis, clique aqui.

Para ver uma matéria da Motor 3 sobre o museu em 1984, clique aqui.

Para saber das últimas sobre o que está acontecendo em Caçapava, visite o Fórum do Simca do Brasil clicando aqui.

Os 53 carros de Roberto Lee

Se fosse possível um dia restaurar integralmente o acervo do Roberto Lee à condição original, esta matéria de 4 Rodas publicada em 1974 seria o mapa do tesouro. Os repórteres V. Zwetsch e Pedro Henrique inventariaram a coleção do Museu de Caçapava de cima em baixo, e ainda colheram histórias maravilhosas do próprio Roberto Lee. A matéria, com 9 páginas, é do tempo em que a revista publicava matérias interessantes e ricas em detalhes. Por tudo isso, é um achado. Ou, se preferir, é o mapa do tesouro do Sr. Roberto Lee.

Nessa história toda, algumas divergências que me fazem espanto. Me impressiona muito, por exemplo, como que este crime pode acontecer logo em São Paulo, o Estado mais rico da federação, berço de nossa indústria automobilística e do antigomobilismo e lar dos maiores colecionadores de automóveis do Brasil e do maior encontro de automóveis antigos da América Latina? Como pode?

A matéria a seguir veio do prezado Mário, que para semana que vêm prometeu mais material arrasador e inédito sobre o que foi um dia o Museu de Antiguidades Mecânicas de Caçapava. Em formato de vídeo desta vez… Vamos aguardar.

Enquanto isso, a turma está conversando no Fórum do Simca.

Os 53 desparecidos de Caçapava

acervo_museu_roberto_lee_cacapava

As legendas a seguir são da Revista 4 Rodas, conforme a matéria que está no final deste artigo para download.012

O sino na frente deste Willys 27 era para espantar as vacas021

O Hispano Suiza 1911 vale (em 1974…) 60.000 dólares031

Só no museu Lee têm 8 packards antigos (tinha…)041

Este Alfa Romeo 1932 andava a 210km/h051

Delage Cabriolet 1937 de seis cilindros061

Entre as antiguidades do Museu há um protótipo do Capeta 1966 da Willys do Brasil071081O Hispano Suiza 1911 chamou a atenção de Phill Hill

09Este é um dos preferidos de Roberto Lee: MG 1952 Tipo D2

101

Este era o carro dos chefes nazistas112

O Packard 1940 Custom para 7 pessoas121

Este Rolls Royce conduziu a princesa Michiko do Japão13

Em 1961 este Packard 1931 tipo Sport Custou Cr$200,00

A íntegra da matéria de 4 Rodas para download. Agradeço imensamente a cortesia do Mário por dividir isto conosco.

pg1pg2pg3pg4pg5pg6pg7pg8pg9

Como era o Museu do Roberto Lee em 1984

Estes arquivos foram enviados pelo Mário, que acendeu o pavio da nossa revolta quando mostrou as fotos recentes do museu do Roberto Lee em Caçapava ao Flávio. Uma vergonha tão grande que até o Jesse, blogueiro da Califórnia, ficou sabendo e está divulgando a causa a quem interessar possa.

O que o Mário nos manda agora são cópias de uma antiga e muito boa matéria da Revista Motor 3 datada de 1984, quando o museu ainda estava inteiro e funcionando. Tomei a liberdade de ampliar as boas fotos que ilustram a matéria, o que só piora a sensação de que, na verdade, as vítimas não são a família ou a cidade que abriga o museu; somos todos nós.

Aí está o museu do senhor Roberto Lee, do jeito que ele planejou, sonhou e construiu. Se você quiser saber como está este museu hoje, clique aqui. Obrigado ao Mário por ter enviado este material precioso.

0407050203011111080610

Faça o download agora das páginas da matéria, imprima e leia.

museu-lee-cacapava-p01museu-lee-cacapava-p032museu-lee-cacapava-p04

museu-lee-cacapava-p021