O Ford 51

Post com trilha sonora!

http://sites.google.com/site/oldcarpics/Home/04Something.mp3?attredirects=0

Esse final de semana eu consegui polir o Ford. Quase três horas de sacrifício, mas alguém têm que dar esse duro, dar vida a um pedaço maravilhoso de ferro que agora está mais bonito do que antes. A tarefa fica fácil e prazerosa com estas ceras da Meguiar’s, absolutamente formidáveis. Eles têm uma para polir metais que é de uma qualidade impressionante. Eu aplico com os dedos, para ter idéia, e dou o polimento com estopa comum. Nunca vi nada igual, o resultado é um milagre da tecnologia, o brilho aparece com facilidade.

foto

Polido o Fordão, e já mancomunado com os amigos para aquela cerveja tradicional, parei no posto para abastecer e juntou gente de todo lado. Incrível, não há quem não se encante com a beleza das linhas do Ford. Eu mesmo, fiquei ali no meio da roda, dando alguns esclarecimentos e também admirando o carro novo, que ainda me causa espanto e orgulho. Muito orgulho. E, ao contrário de quando saio com o Camaro, as perguntas são diferentes, menos superficiais. Aliás, nas duas vezes em que saí com o carro eu encontrei pessoas que o reconheceram de pronto – coisa rara quando se trata do Camaro, por incrível que pareça.

Semana passada me cercou um senhor cujo pai teve um. Pediu pra ver, entrar, sentar no banco, tateou o volante, abriu um sorriso e foi embora. Nestas horas, me sinto recompensado por dar às pessoas esta oportunidade de admirar algo que elas, a seu jeito, também admiram e reconhecem como belo. A vida precisa disso também, de beleza, de estímulo, e nisso os automóveis são férteis, não há quem saia indiferente do contato com um antigo.
foto-1

A segunda pessoa que reconheceu meu Ford foi ontem, enquanto a Itaipava alegrava a tarde na mesa do Via Piaggio. Um senhor, e sua esposa, ele com uns 70 e poucos anos, passou pelo carro e estancou, como quem viu um fantasma. Mas no caso dele foi déjà vu mesmo, você vai entender.

Veio até nós e perguntou de quem era o carro, levantei o dedo e ele me encarou como quem fosse confessar algo e tascou essa: o senhor sabia que eu fui atropelado por um carro igualzinho a este, em 1952? A cerveja voltou na garganta, os copos se apoiaram na mesa com barulho e aguardamos os esclarecimentos. E o senhor continua sua história: eu era garoto, estudava no Colégio Pedro II no Rio e fui atravessar a rua e, quando vi vinha esta frente aí, me lembro bem daquele emblema ali, que ficou carimbado na minha testa por muito tempo!

Explodimos em sonora gargalhada, claro, a história era boa e antiga demais para nos passarmos por solidários e comovidos. Ele estava vivo afinal, e não disfarçou o ressentimento que têm com o Ford 1951. Eu perguntei se era mesmo este carro, e ele franziu as sobrancelhas: claro!, nunca vou me esquecer daquele emblema ali, ó, apontando para o outro lado da rua. Inacreditável, não? Tiramos uma foto, eu, ele a esposa e o 51 ao fundo, que o Guilherme ficou de mandar depois. Há testemunhas, todas sóbrias, desta história.

As fotos aqui também são do Guilherme e seu iPhone, que de tão cheio de recursos não falta nem falar.

foto-2

Anúncios

16 comentários sobre “O Ford 51

  1. Irapuã disse:

    O carrão recebeu o primeiro trato e pode-se ver que agradeceu! Andar num carro destes provoca torcicolos na turma das calçadas, pois não há quem não “quebre” o pescoço para dar mais uma olhadinha. E as histórias vão se suceder entre os que o apreciam, tenha certeza. Parabéns.

  2. Mário Buzian disse:

    Rapaz, como ficou maravilhosa a viatura, hein ???
    Congratulations !!!
    Agora só tá faltando eu pra descer várias Itaipavas, e presenciar essas estórias…
    Sorte dessa galera aí…E tua também, claro !!!!
    Abração, meu amigo !!!

  3. Bento disse:

    Mais fotos! fotos! fotos!

    Esse Ford realmente está formidável. E pensar que tem gente que prefere carro novo…

    Grande abraço,

    Bento

  4. Nikollas Ramos disse:

    Bento, aidna não tive tempo de tirar umas fotos legais do carro. Quero inventariar o Ford, todos os detalhes, guardar um levantamento topográfico dele para a posteridade, inclusive com os defeitos! Semana que vêm não tarda, prometo!
    Mário, como todos sabemos, esses papos de boteco são o esporte preferido de 9 entre cada 10 apaixonados pelos antigos. Com você aqui, fechamos 10 em cada 10! ;) Não demore muito!
    Irapuã, ontem à noite admirava o seu Ford. Fantástico, aguarde que as fotos dele que me mandou estõa a caminho.
    Abraço a todos, Nik.

  5. MAKINETA disse:

    PARABENS NICK!
    O RESULTADO DAS CERAS É MUITOOOO BOM… A PIOR PARTE É HIDRATAR E DAR ACABAM AO INTERIOR , MAS COMPENSA O RESULTADO… A MENOS QUE AQUELA SOGRA (IGUAL A DO GIO) APAREÇA PRA ANDAR NO BANCO DE TRAS COMENDO BISCOITO DE POLVILHO COM O VIDRO ABAIXADO… HAHHAHAHAHAHAHAHAHHA

    QUE HORAS FOI A BREJA… NEM ME CHAMOU PÔ! ABRAÇO A TURMA E AO TONINHO!

  6. Rui Pastor disse:

    E eu me lembro de polir o 51 do meu pai com kaol… Os braços ficavam adormecidos… Era o fim de semana inteiro com essa tarefa, mas valia a pena. Sempre vale.

  7. Nanael Soubaim disse:

    Um “simples” Landau já causa torcicolos, imagine um Fordão 1951 encerado e tinindo. A frente sóbria e levemente esportiva, o pára-brisas bi partido, as linhas escancaradamente familiares, tudo nele chama atenção.
    A história, porém, é a melhor qualidade dele. Carro novo não tem história assim como um bebê não tem lembranças da infância. Então, após a longa viagem, ele reecontra o menino travesso que, graças à Deus, ficou bem e lembra com bom humor do episódio. Não vou dizer que gostaria de ter visto a tua expressão porque seria maldade… e muito óbvio.
    O problema é que para se ter história é preciso sobreviver, e carros cujos motores pedem arrego antes de duzentos mil quilômetros… francamente!
    Agradeço pela dica da cera. E se estas photographias não ficaram legais, não imagino quando a inspiração e a ocasião cantarem!
    Cuida bem desse moço, que ele vai te contar mais segredos em breve.

  8. André Grigorevski disse:

    Melhorou o que já era perfeito!! Esse Ford está demais!

    Sempre ouvi maravilha dos produtos Meguiars. Uso o produto de limpar pneus e realmente é ótimo. Preciso conhecer o restante da linha…

  9. Nikollas Ramos disse:

    Rui, impossível não me lembrar de você neste final de semana. Eu procurava um 49/50, todos acompanharam isso, mas quis a vida me entregar um 51, que, de tão raro e caro eu nem ousava acalentar este sonho. Vendo o meu Tales pendurado nas janelas do Ford e me record do menino Rui, sorridente, ao volante daquele 51. Achoq ue foram suas fotos que, como dados viciados, mudaram o jogo a partir de determinado ponto, quem sabe? ;) De qualquer maneira, vou providenciar fotos sim, para a nossa alegria.
    Abraço, Nik.

  10. Helder M. Filho disse:

    Adorei eu post! fico sempre ansiosamete lendo e esperando o próximo..
    Abração nik!

  11. Irapuã disse:

    Aos blogueiros que aqui frequentam, convido-os a conhecer o novo blog do amigo Nik -dedicado exclusivamente aos Ford de 49 a 51- que tive o prazer de conhecer hoje:

    http://shoeboxford.worlpress.com

    Parabéns ao Nik e sucesso na sua tarefa de aglutinar um grande acervo de informações sobre estes fabulosos carros.
    Sua dedicação certamente será plenamente recompensada!
    Irapuã

  12. Nikollas Ramos disse:

    Grande Irapuã. O espaço é para quem como você e eu, quer ver crescer o movimento a favor dos nossos carrinhos. Ali é um blog de referência, ou seja, fotos, material de época, carros brasileiros e, mais importante e como já conversamos, reunir informações técnicas sobre peças cambiáveis, fornecedores, manutenção e etc., que é a grande contribuição que se pode fazer e que depende muito mais da colaboração de muitos do que do meu próprio empenho. É uma questão de tempo até colhermos os frutos desta iniciativa, não tenho dúvida.
    Aqui no Rio, eu e um amigo estamos falando sobre isso há algum tempo, há pelo menos mais dois shoebox aqui cujos donos certamente vão querer participar e enriquecer esta troca. Vamos aguardar.
    Obrigado, Nik.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s