O Lincoln K 1935 do Getúlio está em Niterói.

No caderno de Niterói do jornal O Globo, de hoje, uma grande surpresa. Está aqui na cidade, mais especificamente no Museu do Ingá, há anos, um carro importante para a história do Brasil e do mundo automotivo, um Lincoln K de 1935 que foi presente da Ford Motor Company ao Presidente Getúlio vargas. Uma vez o próprio Guilherme perguntou no seu blog onde estaria este carro. Eis a resposta, ele ainda vive!

lincoln_k_1935_getulio_03

A série K dos Lincoln, estou lendo aqui, foi uma linha de luxo produzida entre 1931 e 1942. Inicialmente fabricado com um V8 de 385 c.i. (Model KA), um V12 de 414 c.i. (Model KB) se tornou padrão em 1933. A partir de 1934 motor só o V12 e KA e KB designavam apenas a dstância entre eixos. O acabamento dos Lincoln Model K dependia exclusivamente do gosto do comprador, e eram plenamente personalizados pelos melhores encarroçadores de seu tempo. Mesmo assim, os Lincoln era automóveis muito caros. Suas vendas encolheram, como de resto a dos Packard e Cadillacs.

lincoln_k_1935_getulio_02

Em 1935 a Lincoln viu sua linha de modelos ser drasticamente reduzida. A partir daí todos os modelos passam a ser chamados de Model K, somente. Estima-se que em 1935 foram fabricados pouco mais de 1.500 Lincoln Model K . A reportagem afirma que iguais aos do Getulio (conversível ou de mesmo ano de fabricação?) restam menos de 10 no mundo. É possível?

lincoln_k_1935_getulio_01

Acima, o Lincoln Model K 1935 do Getúlio Vargas em 1942, transportando o então presidente da Argentina, Augustín Justo.

O nosso Lincoln 1935, diz a diretora do Museu do Ingá, Dora Silveira, foi parar lá no ano de 2004, vindo do Museu Histórico Nacional, que naquele ano entrou em obras. Na verdade, o carro é de propriedade de uma certa Funarj, certamente uma daquelas fundações anacrônicas do estado do Rio de Janeiro cujo interesse na restauração do Lincoln deve ser zero. Melhor deixá-lo aqui em Niterói, no Museu do Ingá, se não!

Houve um projeto para restaurar o carro, mas não saiu do papel e o Museu garante ter todas as peças, inclusive o raríssimo e cobiçado motor, trancado em um galpão, no fundo do museu, mas eles dizem que, infelizmente, perderam a chave do cadeado…

Enfim, Niterói têm a responsabilidade de honrar o privilégio de guardar essa preciosidade, cuidar para que não se deteriore e dar ao futuro a chance de um dia restaurar este Lincoln e colocá-lo em se lugar de direito, um museu ao alcance de todos os brasileiros.

Quantos mais desse existirão no Brasil? Sei de um na coleção do Og e o motor abandonado em Caçapava. O que mais existirá por aí?

Aproveitando a oportunidade, fui pesquisar e achei estas fotos de um Lincoln 1935 nunca restaurado. Esta galeria do Flickr também é útil, e esta página aqui conta a história de todos os Model K da Lincoln com detalhes e imagens interessantes. No CarLust, fotos de um Lincoln K que, dizem, pertenceu a Al Capone.

Em breve vou tentar um tempo pra ir ao Ingá e fazer mais fotos deste automóvel histórico. Abaixo, a íntegra da matéria do jornal O Globo.

lincoln_k_1935_getulio_04oglobo_lincoln_k_1935

Anúncios

10 comentários sobre “O Lincoln K 1935 do Getúlio está em Niterói.

  1. Guilherme Gomes disse:

    Nik, mas que grande notícia!! Fico muito contente com essa novidade. É muito bom saber que esse carro ainda existe, e bastante “preservado”!
    posso colar as suas fotos, só pra constar no AVA? evidentemente com os créditos.

    Grande abraço,

  2. francisco disse:

    Este assunto da restauração sempre esbarra na ‘QUEM PAGARÁ A CONTA” ninguém quer pôr a mão no bolso…..minha sugestão seria a Ford do Brasil, presentear o país com a restauração da valiosa peça.

  3. Nikollas Ramos disse:

    Pode ser. Ou um dos muitos ricos empresários do Brasil, mas isso não acontece nunca, tolinho! A exceção é o Eike Batista, mas aí têm que render mídia, coisa que aqui definitivamente não é o caso. Bom, pelo menos, tá guardado!

  4. Guilherme Gomes disse:

    Falou tudo, pelo menos tá guardado e existe!

    algum colecionador forte poderia receber o comodato, desde que restaurasse o carro perfeitamente e mantivesse-o em exposição. Mas essas cláusulas excluem praticamente todos…

  5. Flávio Furtado disse:

    Muito boa essa, hein.

    Nik, nós fizemos um evento de carros antigos DENTRO DO MUSEU DO INGÁ(!!!) e não ficamos sabendo disso! Como pode??? rsrsrs

  6. André Grigorevski disse:

    Nossa! A poucos metros de casa e eu não fazia idéia!

    Lembro quando saiu uma matéria (que devo ter guardado em alguma pasta), também em O Globo, sobre a saída do carro do MHN por conta das obras, mas não informava para onde o Lincoln seria levado. E nunca mais tinham tocado no assunto…

    O carro está acessível pra qualquer visitante do museu? Dá vontade de dar um pulo até lá…

  7. mundosobrerodascombr disse:

    Pena pela restauração =/ Só espero que as peças não sejam esquecidas no tal galpão.

  8. David disse:

    Que bom que esse carro ainda existe! Só fizeram 6 unidades dele!
    Pelo o que eu já li por aí, esse carro já sofreu horrores com o passar do tempo – um deles é de ter sido roubado lá por volta de 1984 – mas que bom que ele resistiu e que não acabou parando em um ferro-velho.

  9. PAULO PIRES disse:

    O GOVERNO DE PERNAMBUCO TEM UM LINCOLN DE 1934 MAS TÁ NOVINHO SÓ VER O SOL EM PARADA DE 7 DE SETEMBRO OU EM TRANSIÇÃO DE GOVERNO É LINDO O CARRO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s