A Revista Classic Show

Aposto que você e eu somos leitores assíduos da Revista Classic Show. Afinal, é uma revista completa. Concilia matérias muito interessantes, carros sempre muito bonitos, tudo num grande e louvável esforço editorial e comercial para manter esta que seguramente é uma  das melhores publicações do gênero, no mundo. Com o tempo, eles melhoram a cada número. Os classificados só não são melhores por que falta carro à venda; eles têm um colaborador que manda matérias interessantes dos EUA e ainda trazem um sem número de fornecedores que ajudam muito qualquer um que se dedique à empreitada de restaurar seu carro antigo. Em resumo, eles estão ditando o mercado do antigomobilismo no Brasil, o que não é necessariamente bom.

Explico. Como têm que ser, é por vezes óbvio algumas deficiências dos editores da revista. Os textos são muito ruins, mal revisados e cheios de referências desnecessárias. Eles precisam urgentemente de alguém para escrever por eles. Esse mal uso da linguagem informal – não sei se proposital – aproxima o negócio dos carros antigos do populesco, sendo um verdadeiro retrocesso em tudo o que eles contribuíram para o desenvolvimento do mercado. É preciso escrever bem!

Por exemplo, talvez por serem todos do Sul do país, perderam a medida da necessidade de se falar sobre os ferro-velhos do Uruguai toda santa edição. Já não deve ter mais carro por lá, de tanto que a turma invadiu aquilo atrás dos coches perdidos. Na outra ponta, as matérias sobre colecionadores de Minas Gerais foi muito interessante, apesar de muito sucintas, espremidas por uma pauta que deveria privilegiar justamente o nacional, seus detalhes e riquezas.

Para terminar, eles deveriam diversificar os temas e o formato em que são apresentados, antes que o esgotamento da fórmula atual afaste os leitores. Deveriam seguir o exemplo da Car and Driver brasileira, lançada este ano, que se reinventa a cada número, de forma criativa e dinâmica.

Em resumo, acho que eles precisam de um bom designer e um bom redator. E ouvir o leitor. Só de elogios não se vai longe.

www.classicshow.com.br

About these ads

9 ideias sobre “A Revista Classic Show

  1. Marcelo Toledo

    Amigo,

    Boa tarde. Eles não são os únicos que precisam melhorar o texto. Seu blog é muito legal, mas há pelo menos um erro de gramática em cada post. Parabéns pela iniciativa, mas quem tem teto de vidro não deve atirar pedras no vizinho.

  2. carrosantigos Autor do post

    Marcelo, falando assim me faz crer que este blog e a Classic Show tem o mesmo status, mas sabemos que não. O que não me exime de quebrar as leis da gramática, claro. Erro sim, tropeço nas palavras todo dia, apesar do Houaiss de bolso que não sai aqui do meu lado. Vou ter mais cuidado. E reenviar meu e-mail para a Revista informando que, se eu estou sendo cobrado por mais esmero com o vernáculo, o que se pode esperar deles então é ainda mais capricho com esse nosso admirado e incompreendido idioma. Abraço, Nik.

  3. Pingback: Quem quer um Cadillac 75? Eu não! « Blog dos Carros Antigos

  4. Marcio

    É incrível mesmo….não da para acreditar que estou lendo isso, é só alguém despontar ou ser bem sucedido em alguma área que aparecem os pseudo socialistas para tentar jogar areia nas engrenagens..Vocês que estão criticando já pararam pra pensar ha quantos anos essa revista está ai? Vocês sabem que foram 2 moleques que criaram a revista em uma garagem emprestada de um tio, uma máquina fotográfica emprestada da mãe, e um carro emprestado do pai e três computadores velhos? Pelo que sei nenhum deles tem formação em jornalismo e conseguiram fazer o que dezenas de revistas apadrinhadas por gente rica e poderosa não conseguiu?? Começaram do zero, do nada, apenas com sonhos e esperança muita esperança que acompanhei bem de perto. Será que isso não quer nos dizer algo???De repente eles acertaram a formula!!O que sobrevive no Brasil ou em qualquer parte do mundo sem uma parte comercial???Não estamos em Cuba..parece uma maldita “MC Donalds Fobia”. Vocês em outras partes desse blog os estão criticando por levantarem a moral dos carros americanos mas são tão cegos em suas convicções que não vêem que foi a Revista Classic Show que evitou que milhares de automóveis nacionais fossem parar nos ferros velhos ou carregar sacos de cimento, não vêem que desde a primeira edição da revista os caras estão sempre dando uma moral danada para os automóveis nacionais? Já pagaram a coleção toda e olharam as capa pelo menos para ver que nunca saiu uma sequer edição em que um ou mais modelos de nacionais tivessem seu merecido destaque? Ninguém é perfeito, eles tem suas falhas, mas estão melhorando a cada edição, sei disso por que realmente leio a revista e como anunciante posso dizer que mudou minha vida, já que mostrou ao mundo o meu trabalho, se tenho minha empresa com meus funcionários hoje e posso pagar a prestação da minha casa é graças a esses moleques empreendedores e tarados por carros antigos, que não fazem distinção se vem de são Bernardo co campo ou de Detroit…..Eles mostra o que os leitores gostam de ver, sendo assim por que iriam mostrar tantos ferros velhos do Uruguay se não fosse tão solicitado??A Revista é meramente comercial??ha-ha –ha..não me façam rir….certa vez eu estava em Águas de Lindóia e vi um dos editores recusar indignadamente uma oferta generosa de valores para publicar uma matéria de um automóvel….”isso não existe, disse ele, os automóveis são escolhidos para ilustrar as pautas de acordo com a originalidade, temos um banco de dados….envie a foto do seu para nossa editora que quando a matéria estiver em pauta entraremos em contato” Bom……creio que não preciso dizer mais nada, desculpem se me excedi, porem não pude ficar calado ante a tal desprezo.

    Rodrigo

  5. norberto boddy

    Estou finalizando um projeto para ir ao Chile rodando com um carro antigo (jipe Willys militar M38 ano 1951) Gostaria de saber se há clubes de veículos antigos nas cidades de Vacaria, Passo fundo, Ijuí, São Borja e Uruguaiana, que são as cidade por onde vou passar. Vocè poderia ajudar-me? Agradeço desde já a atenção e parabéns pela iniciativa de fazer este blog.

  6. César

    Amigo, “mal uso” foi para matar.
    Corrija-se antes de querer corrigir a revista dos outros. Grande abraço.

  7. Carros Antigos Autor do post

    Obrigado, mas vou preferir deixar assim mesmo, errado. Afinal, foi a única coisa que mereceu sua atenção em tudo o que escrevi aqui.

  8. alexandre schultz

    Não sera uma merda de um pais chamado de brasil que me enpedira de ter um carro antigo do uruguay s documento fuck brasil

  9. Ezio jr

    Não é só de elogios que um veículo de comunicação levará adiante sua proposta original. É necessário, sempre, uma revisão daquilo que já foi feito para uma proposta futura que tenha o mesmo impacto daquela inicil.
    CLASSIC SHOW é hoje, sem qualquer sombra de dúvida, a única revista brasileira que trata do tema em questão: carros antigos, clássicos, venda e compra desses, propaganda específica, etc.
    Mas, como dito acima, alguns temas estão sendo veiculados à exaustão. É realmente o caso dos ferro-velhos do Uruguai, que nada mais trazem para os leitores, especialmente para os do Sudeste do Pais.
    Não estou querendo dizer que o enfoque da revista deva ser mudado, muito ao contrário. Quero dizer que os editores deveriam ampliar o foco de atuação, com matérias diversas. Não sei o que poderia sugerir nesse sentido, mas é preciso navegar por mares nunca dantes navegados.
    Gostaria que esses comentários não fossem recebidos como crítica, mas sim como colaboração de um leitor/assinante da revista, que espera ansiosamente pela próxima edição.

    Um grande abraço.
    Ezio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s